21 nov 14

Rio: Le Dépanneur


Fotos: Bruna Rodrigues

Tem mais uma novidade deliciosa no Rio e é claro que já viemos contar para vocês. O nome vem explicado no cardápio: Le Dépanneur é aquele que te dá uma mãozinha, uma ajuda providencial. Expressão muito usada na região francofônica do Quebec, ela dá nome àquelas pequenas lojas de esquina canadenses, que oferecem uma variedade de produtos como sanduíches, saladas, crepes, pães, frios, além de itens gourmet de qualidade.

Inaugurada no começo do mês em Botafogo, a Le Dépanneur investe no design e também em produtos diferenciados. É verdade que esses itens costumam ser um pouco mais caros, mas de vez em quando pode, né? Ficamos babando nas pimentas e geléias e também nas tarteletes de limão e morango.

A casa dispõe de mesas internas e ao ar livre para quem não está com pressa e quer provas as delícias ali mesmo. Para um fim de tarde de sexta-feira, nós fomos de que? Pães com geléia de frutas vermelhas e uma deliciosa limonada suíça. Para fechar, pedimos um milk shake de Nutella e nozes (já era praticamente fim de semana, né?). Tudo muito bom. Aprovamos também o serviço, e olha que isso costuma ser um pouco problemático em estabelecimentos que acabaram de abrir. Ponto pra eles!

A delicatessen tem feito sucesso no bairro. Aliás, para quem não sabe, Botafogo vem recebendo vários restaurantes e bares legais, muitos atraídos pelos preços mais camaradas dos aluguéis (pelo menos em comparação aos bairros como Ipanema e Leblon). Feliz de quem mora ou trabalha ali perto (como eu!), né?

Le Dépanneur
Rua Voluntários da Pátria, 86 – loja A
Botafogo – Rio de Janeiro, RJ




20 nov 14

Favoritos da semana

Wrap para sanduíche
Quando vi esses wraps para sanduíche já imaginei como ficariam lindos na mesa de uma festinha. Os arquivos são para imprimir em casa, com download gratuito do jeito que a gente gosta. Só resta saber se a impressora se dá bem com papel manteiga, em último caso é só recorrer à gráfica. Download no Studio DYI.

Servindo com estilo
Incrível o projeto de design Luscious Food Cravings, do Studio Appetit. Eles sugerem uma nova forma de servir aperitivos, são utensílios de porcela em formato de cones e picos, apresentando a comida de uma forma totalmente diferente do que estamos acostumados. Tem até algumas peças para alimentos maiores, obra de arte né? Mais fotos do projeto aqui.

Lindeza
Já falei da Modcloth aqui no blog algumas vezes, mas a loja continua me surpreendendo com itens criativos para a casa. A paixão da vez são as casquinhas de cerâmica para servir sorvete, diz se não é a coisa mais fofa? O conjunto vem com três, uma de cada cor. O Natal está aí já, e eles entregam no Brasil.

Cookie Bag
Outro download gratuito que foi um achado essa semana. Este basta imprimir em uma folha com gramatura um pouco maior e colocar o biscoito em um saquinho transparente antes de colocar no envelope, já que ele é vazado na boca. No site Oh Happy Day vocês encontram o link para download e o passo a passo. Muito amor!





Fotos: Mariana Valle

No charmoso bairro Italia, na capital chilena, há cerca de três quarteirões cheios de lojinhas e restaurantes agradáveis para curtir o fim de semana, principalmente quando tem a feirinha local aos sábados. De passagem por lá, estivemos na Cafetería Nahia, localizada bem no centro do bairro, uma boa opção para quem visita a feira.

A Nahia é ótima para ir no final da tarde para tomar um café ou um chá, e saborear as deliciosas opções de bruschetta. A maior parte do cardápio é composta pelas torradas com diversos recheios como salmão, presunto e queijo, além de doces como brownie e a famosa media luna. Além disso, o preço é convidativo.

O estabelecimento tem dois ambientes (um aberto e outro fechado). Optei por um chá de laranja que caiu super bem com o frio que fazia, e torrada de carpaccio de salmão com requeijão e, de sobremesa, um strudel de maçã com canela. Tudo simples, mas muito gostoso, bem servido e bem feito. Fora o atendimento que, mais uma vez, foi ótimo. Não sei se foi sorte, mas parece ser um dos pontos positivos em todo o Chile.

Cafetería Nahia
Av. italia, 1307 – Bairro Italia
Santiago, Chile





Fotos: Natalia Valle

Já repararam que algumas delícias do mundo são feitas com comida velha? A querida rabanada é feita somente com pão velho, já se perguntaram o motivo? O pão velho tem menos água, é um pão mais seco, portanto capaz de absorver mais líquidos (essencial no caso da rabanada). Nosso sorvete de frutas é feito com a banana super madura, já que as frutas atingem seu maior nível de açúcar conforme amadurecem. E neste aperitivo de hoje também é recomendado o uso de um produto menos fresco: o pão do espetinho precisa estar dormindo para que consiga absorver mais azeite e se tornar mais saboroso. Uma espécie de espetinho aperitivo, delicioso para acompanhar uma tarde de final de semana.


Espetinho aperitivo
com molho de mostarda



    Ingredientes

  • 12 fatias de salaminho
  • 12 mini salsichas cozidas
  • 12 tomate cereja
  • 12 cubos de pão italiano velho
  • 12 ovos de codorna cozidos
  • 12 colheres de café de azeite aromatizado de alecrim
    (ou ervas finas)
  • Para o molho

  • 2 colheres de sopa de mostarda
  • 1 colher de chá de orégano
  • 1 colher de chá de azeite aromatizado
    (o mesmo escolhido anteriormente)
  • 1 colher de chá de alho amassado
  • 1/2 xícara de chá de creme de leite fresco



Modo de preparo
Aqueça o azeite aromatizado em uma frigideira larga e alta.
Frite os cubos de pão no azeite bem aquecido. Reserve.

Misture em um liquidificador a mostarda, orégano, 1 colher de chá de azeite,
alho e o creme de leite fresco e reserve para ser utilizado como molho.

Monte os espetos com o pão, salsicha, ovo, salaminho dobrado em 4
(não podem ser fatias muito finas senão irão rasgar ao colocar no palito) e o tomate.

Caso queira uma opção mais leve, substitua a salsicha por rúcula, também fica delicioso.




17 nov 14


Fotos: Natalia Valle

Semana curtinha a gente nem reclama da segunda-feira, não é? Se você também já está pensando no feriado, e vai passar aqui no Rio, separamos três opções para deixar sua programação mais gostosa:

Festival de Cerveja
O Mondial de La Bière acontece pela segunda vez no Rio, de quinta a domingo no Terreirão do Samba, no centro da cidade. Este ano serão mais de 650 rótulos e a programação ainda conta com workshops e talk-shows. Para petiscar, uma das opções será o estande do Caverna com sanduíche de salmão com mousse de wasabi e Bowl de mini almôndegas com molho picante. Saiba mais sobre o evento aqui.

Burger Fest
O Burger Fest já está rolando e vai até domingo. São 21 casas participando, entre elas: Esquina 111 (hamburguer com queijo emmental, barbecue, bacon glaçado em maple syrup, brotos e tomate), Volta (fish burguer de barriga de pirarucu, molho tártaro defumado e radicchio) e Forneria São Sebastião (cheeseburger de cordeiro no pão italiano com mussarela defumada, cebola e shitake). Deu água na boca? Saiba mais na página do evento.

Festival Gastronômico da CADEG
Depois do grande sucesso da primeira edição, o festival voltou no início do mês e termina no domingo. Dessa vez o tema é bacalhau. O Barsa vai servir salada de grão de bico com bacalhau acompanhado do vinho chileno Vestiqueiro Chardonnay, já o Empório Quintana oferece palmito recheado com bacalhau, cebola, alho e tomate acompanhado de tapenade de azeitona azapa e crisps de folha de aipo. As opções não param por aí, veja todos os participantes aqui.




12 nov 14

Azeites Gallo na Cavist


Fotos: Natalia Valle

Semana passada a Gallo nos convidou para um jantar delicioso na Cavist, em Ipanema. Comentamos com vocês lá no instagram e hoje viemos contar um pouquinho como foi. Vocês sabiam que o Rio é a cidade que mais consome azeite no Brasil? 64% dos lares. Eu nem imaginava. No último evento o foco foi na linha premium, para ocasiões especiais. Dessa vez, a conversa foi sobre a linha de azeites para o dia a dia, para quebrar aquela velha ideia de que eles são todos iguais.

A grande novidade é que agora as embalagens da marca apresentam a indicação da intensidade do sabor: extra suave, suave, original (padrão) e intenso. Isso simplifica bastante a escolha do consumidor de acordo com o seu objetivo, gosto ou receita, tanto para cozinhar quanto para finalizar o prato. Degustamos os quatro e aprendemos um pouco sobre a história da marca e processo de fabricação. Os nossos sabores preferidos foram o intenso e o suave.

Depois chegou a hora de explorar mais os azeites junto com os pratos. A gente já conhecia a Cavist de nome, mas ainda não havíamos passado por lá. Ó, já fica aqui a indicação: que menu delicioso! Os canapés dão um show de simplicidade e sabor. Alguns deles são tão práticos que ficou a vontade de tentar reproduzir a receita em casa:

Batatinha calabresa com crispy de parma, baguete de bacalhau, bombom de queijo de cabra recheado com uva envolto em pistache e carolinas caramelizadas recheadas com gorgonzola (o preferido na nossa mesa, que coisa mais gostosa).

De entrada foi servido carpaccio de rosbife com mostarda dijon (ficou maravilhoso com o Gallo Reserva Intenso) e cuscuz marroquino com manga e camarão (com Gallo Extra Virgem Suave).

Já os pratos principais foram risoto de camarão com limão siciliano e escalope de mignon ao pouvre vert com purê de grana padano, ambos deliciosos. E para fechar, a sobremesa: panacota com calda de frutas vermelhas.

Precisa dizer que a noite foi ótima? :)





Fotos: Bruna Rodrigues

Há poucas semanas, conhecemos um restaurante no Flamengo, aqui no Rio, que não podemos deixar de recomendar. O Carmelo Restaurante é um óasis de aconchego no meio da correria de transeuntes e carros do bairro. Você entra na casa e praticamente esquece do burburinho de fora de tão agradável que é o lugar. Com mesas no primeiro piso e em um mezanino, o Carmelo oferece um cardápio variado e uma boa carta de vinhos.

Quais foram nossas escolhas? Risoto de funghi seco com escalopinhos de filé mignon, camarões ao molho de damasco com queijo brie, massa recheada com funghi e provolone com tiras de filé mignon e, por último, e não menos delicioso, salmão ao molho de aspargos com risoto de limão siciliano. Posso garantir que estava tudo muito gostoso porque provei um pouquinho de cada prato (dos benefícios de sair entre amigos).

Além da boa comida e do ambiente bacana, os pratos são bem servidos e o serviço é atencioso (já comentei com vocês que isso é absolutamente essencial pra mim, carinho no atendimento é tudo). Uma coisa curiosa é que o Carmelo fica ao lado do Cartório, então não se espante se houver uma pequena comemoração de casamento, o que dá um toque romântico ao restaurante. O único ponto negativo? Às vezes há fila de espera. Caso seja uma data especial ou você não queira aguardar, é possível reservar mesas com antecedência.

Outra dica é que eles inauguraram recentemente o Carmelo Armazém, localizado na mesma rua. A proposta é uma mistura de delicatessen, café e antiquário, onde o forte é o café da manhã com pães, tortas e bolos e sanduíches. Ainda não fomos conferir, mas se for tocado com o mesmo carinho do restaurante, a satisfação é garantida. Fica aqui então a nossa dica para quem estiver pelo bairro a procura de boa comida e bom atendimento.

Carmelo Restaurante
Rua Corrêa Dutra, 75
Flamengo – Rio de Janeiro
www.carmelorestaurante.com.br