Dicas

Dicas de finalização

Foto: Natalia Valle

A expressão “cereja do sundae” expressa com tom lúdico a importância sutil, porém crucial, da finalização. Aquele toque à mais que pode passar despercebido, mas cuja presença diferencia um bom prato de um extraordinário. A finalização pode ser feita de diversas formas e ingredientes, mas é importante entender que o nome não é uma metáfora, e deve ser lido literalmente: “ao final”. Em geral, são elementos que perdem o sabor com cocção extendida. Eles são muitos e todos merecem destaque, mas hoje vou enfatizar nos meus favoritos.

  • Flor-de-sal
    Descoberta incrível e , agora, com produção nacional e preço acessível. Pode ser utilizado em pratos salgados em geral, nos últimos minutos de cocção. Ela não implica em sabor, somente realça os já presentes no prato.
  • Sal marinho defumado
    Pessoalmente, não sou fã do sabor de defumado mas tenho que reconhecer que este ingrediente tem muito a adicionar em pães, vegetais e frutos do mar.
  • Azeites aromáticos
    O mais utilizado em meio doméstico, e de aquisição mais simples. Pode aromatizá-los de quaisquer ervas e sementes a partir de introdução deles à vidros limpos (sugiro pequenos para acelerar o processo) de azeite extra-virgem. Feche-os bem e mantenha em local escuro de 2 semanas à 3 meses. Na hora da utilização lembre de harmonizá-los aos pratos.
  • Creme de balsâmico
    Minha mais nova paixão. Indicado pela responsável pela minha sanidade mental, me gerou loucura. Eles são reduções de balsâmico acrescidos de uma aromatização incrível como nozes e pêra, pesto, tomate seco e o favorito aqui de casa, trufas brancas.
  • Açúcar aromatizado
    Basta comprar 2 favas de baunilha e colocá-las em um recipiente com açúcar. Na falta de uma sobremesa, cozinhe uma pêra no microondas com esse sal e resultará em uma sobremesa incrível. Também pode ser adicionado ao creme de leite e servido com biscoito maisena e granulado, um falso pavê. (cravo, anis estrelado e canela também são boas opções para a aromatização).
  • A apresentação do prato
    Sou fiel seguidora da máxima: “Comer com os olhos”, ainda que comendo também com a boca! A aparência é crucial para finalizar um prato. Pense em altura, simplicidade, cores e na montagem como parte do preparo.


You Might Also Like

Comente

Deixe um comentário