Variedades

Embalagens originais

É falado com frequência o quanto o mundo da gastronomia mudou: novas paletas de cores, novos sabores e texturas. O que antes era valorizado pelo conteúdo, hoje precisa ganhar um novo visual para se tornar atraente aos olhos modernos. As embalagens de alimentos recebem modificações quase que anuais para manter a atenção dos consumidores e seu aspecto original. Porém, hoje gostaria de falar sobre outro tipo de originalidade, aquela do sentido vernacular, que quer dizer de origem. Gostaria de destacar e valorizar aqueles que mantiveram as sua embalagens intactas, que conseguem se manter modernas mesmo com o passar do tempo:

A manteiga aviação está no mercado desde 1920, quando usar latinhas para embalar era comum. Ela se manteve fiel à sua embalagem e tem sua qualidade reconhecida. Única manteiga com logo e material da lata originais. Além de ser a minha favorita em sabor, o visual me alegra.

Atualmente a higiene crucifica qualquer uso da madeira dentro da cozinha, afinal, sua porosidade associada à umidade da cozinha pode causar certos problemas. Mas para o requeijão cremoso catupiry, a embalagem de madeira é sinônimo de comprometimento. A madeira foi abolida na metade da década de 90, mas o logo permaneceu o mesmo, fiel companheiro de quem busca qualidade desde 1911.

O amido de milho, Maizena, também manteve sua embalagem exatamente como era em 1874 (chegada às mercearias do Brasil). Seu uso foi um pouco modificado, muitas receitas aproveitaram ela, outras abandonaram, saiu das panelas e foi para fraldas e máquinas da indústria têxtil. Hoje é presente em quase todas as casas brasileiras e sua embalagem recebeu destaque na moda retrô, passando a fazer parte de estampas também.

Uma donzela de chapéu vermelho e um garoto de boné azul, te lembra sal? É com essas embalagens fofas que o sal de mesa cisne merece nossa atenção. As embalagens lembram ovos prontos para participar de uma encenação (e muitos participaram na minha infância criativa). As mesmas desde sempre, alegram as mesas brasileiras dando um tempero a mais.

Há outros fiéis ao design original na cozinha, mas estes são os mais marcantes para mim.



You Might Also Like

1 comentário

  • Reply
    Samandra
    4 de julho de 2012 at 15:58

    Gostei da postagem! Pra ver que um bom design é atemporal. Me deu vontade de saber quem criou essas embalagens… :)

  • Deixe um comentário