America do Sul Peru Viagem

Cusco: Cicciolina e Baco

Fotos: JG

Aproveitei estas últimas férias e marquei com os amigos de visitar um local que há muito tempo sonhava: Machu Picchu. O local é realmente indescritível e mágico. Porém, o que eu não esperava era encontrar em Cusco uma cidade que se tornaria uma das mais legais que já visitei. O lugar possui cerca de 300.000 habitantes e está situado à 3.400 metros de altitude (prepare seus pulmões e casacos!) e foi tida como a capital e mais importante centro administrativo do Império Inca. Ela é repleta de casarões com 2 a 3 andares, brancos, feitos de pedra e alvenaria e com a mesma cor e material de telhado, o que dá um charme único às ladeiras e praças da cidade.

Repleta de atrações e sítios arqueológicos, Cusco impressiona pela quantidade de turistas. Por isso, cuidado com os restaurantes tourist trap que estão por toda parte. Em nosso primeiro dia, resolvemos fazer algo não muito usual para mim: aceitar uma dica de restaurante na recepção do nosso Apart hotel. Fomos um pouco desconfiados, mas para a nossa grata surpresa, era uma dica preciosa!

O Cicciolina combina alguns elementos que são extremamente importantes em um restaurante: atendimento impecável, apresentação dos pratos de invejar as outras mesas, ambiente moderno e requintado porém sem ser pretensioso, e claro, uma comida ótima. Resolvemos fazer uma noite de tapas (o restaurante e o bar estavam lotados, por isso, sugiro fazer reserva). O menu de tapas é grande e sedutor como o do jantar, assim como o de vinhos e drinks! Começamos com um Duck Prociuto (com manga e curry vinagrete-doce apimentado). Pato com curry já é difícil de ficar ruim, apimentado então, delícia.

Passamos pelo Cuzquenan Solterito (misto de milhos, fava beans, queijos e ervas, todos grãos típicos do Peru), Camarões empanados na quinua (esse é para quem gosta de pimenta mesmo!), e finalizamos com Lulas empanadas com molho de chilli. Apesar de todas as tapas serem ótimas, ficamos babando com os pratos que saiam da cozinha (aberta para o salão, graças!). De sobremesa pedimos Maça Caramelada com sorvete de canela e amêndoas e Frutas vermelhas com sorvete de pisco (Só vou dizer que imploramos para a cozinha não fechar e poder pedir mais coisas).

Ficamos tão apaixonados que resolvemos testar outro local do mesmo dono, o restaurante Baco. Este funciona como uma pizzaria e sanduicheria, porém com o mesmo clima requintado. Foi lá que provei a primeira carne de Alpaca: Hambúrguer de alpaca com batatas fritas no alho. O responsável pelos dois locais sabe mesmo como agradar os clientes!


Cicciolina Cusco
Calle Triunfo 393, 2o andar
Cusco, Peru
www.cicciolinacuzco.com

Baco
Calle Ruinas 465, Cusco

You Might Also Like

3 comentários

  • Reply
    Bru Capraro
    21 de agosto de 2012 at 13:39

    Blog lindo e delicioso, parabéns!
    A propósito: adoro Cusco!! Queria ter sabido dessa dica antes de ter ido para lá.

    Um beijo

  • Reply
    Gulab
    21 de agosto de 2012 at 17:16

    Que bom que gostou, Bru! Obrigada pela visita :)

  • Reply
    Leidiane
    8 de outubro de 2012 at 17:56

    Ah gente que máximo essa visita ao Peru! Fui pra lá também e digo o mesmo que a Bru, devia ter lido isso antes, e olha que sou leitora de vocês a muito tempo (vergonha!).
    Como sempre eu entro aqui e meu estomago começa a gritar rsrsrs

  • Deixe um comentário