Aperitivos Carne Entrada Receitas Sem Glúten

Moranga recheada com shimeji

Fotos: Flavia Peroba

Desde que me casei e larguei as panelas individuais, vi que cozinhar junto pode ser mais romântico que cinema, jantar a luz de velas e passeios pela praia. A parceria que a cozinha exige é quase que uma terapia de casal. É um ensinar e aprender constante e delicioso. Nosso último empreendimento juntos na cozinha foi para receber amigos queridos e para nos exibirmos um pouco. E foi tão divertido jantar com eles quanto preparar os pratos, que resolvi trazer para vocês a receita que mais fez sucesso no dia: moranga recheada com shimeji e mignon.

Moranga recheada
com shimeji, catupiry e mignon



    Ingredientes

  • 4 mini morangas
  • 200g de shimeji
  • 30g de manteiga
  • 2 colheres de sopa de catupiry
  • 300g de mignon cortado em cubos bem pequenos
  • 1/2 cebola picada
  • 100ml de creme de leite
  • 50ml de shoyu
  • Óleo vegetal


Modo de preparo
Cozinhe as morangas até ficarem tenras o suficiente para cavar o buraco.
Tire o miolo da moranga e reserve.

Derreta a manteiga e cozinhe o shimeji nela por cerca de 3 minutos,
adicione o catupiry, mexa bem e apague o fogo.

Refogue a cebola em um pouco de óleo e doure o mignon
(Azeite não combina muito com o shimeji. Então se não quiser usar óleo vegetal, use manteiga).
Adicione então o shoyu fervendo por cerca de 10 min.
Apague o fogo e adicione o creme de leite.

Coloque 2 colheres de mignon no fundo da moranga e cubra com o shimeji.
Leve ao forno por cerca de 10 min.

You Might Also Like

22 comentários

  • Reply
    Marilia Sestari
    2 de julho de 2015 at 12:21

    Eu fiquei pelo menos 15 minutos olhando essas fotos e babando… SOCORRO!!!!
    Que delícia que deve ser, quero muito fazer! *-*

  • Reply
    Marcella
    2 de julho de 2015 at 15:22

    Gentee, vocês estão se superando cada dia mais.. que receita deliciosa!
    E ficou lindo, morrendo de vontade de fazer tb!

    Bj Má

  • Reply
    Naty
    3 de julho de 2015 at 6:50

    MEU DEUS MEU DEUS MEU DEUS
    eu to pirandooooooooo nessa morango :O

  • Reply
    Carla Wolf
    4 de julho de 2015 at 16:30

    Moranga é simplesmente meu prato preferido, nunca tinha pensado em colcoar shimeji, quero pra ontem!

  • Reply
    Bessie B.
    6 de julho de 2015 at 12:32

    C H O R A N D O com seu blog e todas receitas maravilhosas! <3 Olhando uma por uma e escolhendo quais vou por em prática. Essa moranga recheada parece boa demais, socorro <3 <3 <3

  • Reply
    Glena M.
    7 de julho de 2015 at 10:16

    MEU DEUS! Que maravilha é essa?

    Quero almoçar issssssso! hahaha <3 <3 <3 <3

  • Reply
    Carla Antoni | Um Doce Dia
    7 de julho de 2015 at 11:55

    Que delícia! Tá aí uma combinação que nunca imaginei, e deve ter ficado incrível.
    Tenho incentivado meu marido a cozinhar em conjunto nos fins de semana, descobri que pra ele é uma terapia…hehe, pra mim no começo era um pouco desesperador, (não tenho muita paciência), mas agora se transformou em prazer puro, deixei de lado meu toque com organização. Aos poucos nós dois melhoramos.

    :**

  • Reply
    Jéssica || Fashion Jacket
    7 de julho de 2015 at 20:27

    Eu não gosto de shimeji, mas essa moranga com filé deve ter ficado uma maravilhaaa!!! Adorei.

    Beijos ♥

    Jéssica || Fashion Jacket

  • Reply
    Flávia Batista
    8 de julho de 2015 at 10:18

    Parece uma delícia. Sem contar que é um prato visualmente muito bonito!
    Bjs

  • Reply
    Renata
    9 de julho de 2015 at 7:25

    aaai que delicia!
    Salvei a receita ja!
    Meu marido ia amar hehe
    beijinhos, Rê

  • Reply
    Joyce
    9 de julho de 2015 at 23:24

    Eu não sei porque sempre venho aqui sofrer e me torturar… aiii
    Hehehe…
    sou louca pelas suas receitas <3

  • Reply
    Leili
    10 de julho de 2015 at 13:13

    Receita super apetitosa! Adorei Nathalia. Já tentei fazer shimeji, mas ainda não acertei, sempre ficam meio borrachudos. Você tem alguma dica para isso não acontecer?
    Abração e ótimo fim de semana.

    • Reply
      Flavia
      13 de julho de 2015 at 21:25

      Oi Leili!
      Eu só uso cogumelos frescos e sem qualquer tipo de líquido, já que o cogumelo tem tendência a absorver muito líquido ficando borrachudo. Se for usar os desidratados, cuidado para não ficar muito tempo porque aí eles ficam borrachudos também. Minha dica é o mínimo de líquido possível, só o calor mesmo.

      Beijos!

  • Reply
    Luna
    29 de maio de 2016 at 1:05

    Dicas para acompanhamento?

    • Reply
      Flavia
      5 de junho de 2016 at 21:11

      Oi Luna,
      fica ótimo com batatas rústicas (só troca o alecrim por coentro), chips de batata baroa ou um arroz de temperos (arroz branco com algumas folhas de manjericão e salsinha frescos picados). Bjos

  • Reply
    RODRIGO PORTO
    24 de agosto de 2017 at 11:27

    POSSO SUBSTITUIR O SHIMEJI POR OUTRO TIPO DE COGUMELO. PODERIA SER O CHAMPINHOM?

    • Reply
      Flavia
      28 de agosto de 2017 at 14:03

      Oi Rodrigo!
      Você pode substituir com qualquer cogumelo contanto que seja fresco. O cogumelo paris (champignon) vende muito em conserva, portanto não recomendo para esta receita.

  • Reply
    Lenice
    10 de setembro de 2018 at 21:59

    Olá! Que receita de dar água na boca…
    Preciso fazer, mas preciso de uma dica para substituir o Shimeji na porção do meu esposo, pois ele é alérgico… o que poderia substituir sem a receita perder com isso?
    Obrigada

    • Reply
      Natalia
      28 de janeiro de 2019 at 8:41

      Oi Lenice,
      Pode tentar usar tofu defumado, deve ficar delicioso.
      Mas precisa ser o defumado porque o fresco vai sair muita água quando for ao forno.

  • Reply
    Anna
    12 de dezembro de 2018 at 9:41

    Oiiii adorei a receita. O interior da moranga reservado não eh acrescentado na receita depois???? Fiquei com a impressão q faltou isso.
    Melhor acrescentar no cogumelo ou na carne?
    Obrigada

    • Reply
      Natalia
      28 de janeiro de 2019 at 8:31

      Oi Anna,
      Não usamos o interior na receita, mas as sementes podem ir ao forno e virar snack. Já o miolo (sem as sementes) também fica ótimo para o preparo de um risoto. Bjs

  • Reply
    Daiane
    12 de junho de 2019 at 9:42

    Amei a ideia! vou fazer hoje de dia dos namorados!

  • Deixe um comentário